top of page
  • Foto do escritorElaine Colombo

Projeto Herança, por Izabela Pagani


Um resgate histórico e emocional das suas crenças, amores, tradição, beleza e tudo que ajuda a construir a nossa identidade estética e nos faz sentir bem, plenos e

seguros em casa.

Resgatar as emoções mais puras e traduzir esta linguagem para o projeto de arquitetura, seja ele de edificação ou de interiores, é o objetivo da Arquiteta Izabela Pagani. Nascida na cidade de Criciúma e filha de pais jardineiros, cresceu em meio ao universo do paisagismo e desenvolveu cedo uma paixão pela Arquitetura e Urbanismo. Arquiteta e Urbanista formada pela Universidade Católica do Rio Grande do Sul, cursou MBA em Negócios Imobiliários e da Construção Civil na Fundação Getúlio Vargas e o MBA em Business na University of Califórnia, Irvine. A frente do escritório de arquitetura que leva seu nome, Izabela Pagani desenvolve projetos de arquitetura com foco em projetos de alto padrão.


Com olhar apurado para o design e sua adequação às emoções e anseios dos clientes, criou o Projeto Herança, remonta objetos da vida e histórias, atualizando e adaptando a linguagem estética atual. Herança afetiva é um mergulho no seu interior, no seu inconsciente, buscando mais do que um lindo projeto, construindo junto com o cliente um resgate ao passado

de valores históricos e emocionais de família, traduzido em um projeto arquitetônico e de interiores que descreva sua verdadeira identidade. O projeto não visa, somente, reaproveitar uma cadeira antiga de família, misturando com uma decoração moderna, isto é uma parte do trabalho, mas o objetivo central é resgatar emoções verdadeiras que façam o cliente se sentir bem, leve, feliz e confortável com o projeto desenvolvido para o seu lar.

Herança, traduz, atualiza e apresenta o mais belo e puro das suas ORIGENS.





Comments


bottom of page